Programa das Nações Unidas
para o Meio Ambiente Meio Ambiente para o desenvolvimento
Diretor Executivo do PNUMA discursa na abertura do Ano do Financiamento Verde

 

"Senhor Prefeito de Londres, Ministros, Senhoras e Senhores,

 

É um grande prazer para o PNUMA estar envolvido na organização deste evento significativo, juntamente com a cidade de Londres, para estabelecer o ano de 2016 como o “Ano do Financiamento Verde” - não apenas no Reino Unido, mas no mundo todo.

Eu gostaria primeiramente de agradecer à City Corporation pela parceria – e também reconhecer a liderança das instituições financeiras que foram pioneiras de tantas inovações no financiamento verde que agora devemos divulgar.

Ao vislumbrarmos o ano que teremos à frente, encaramos muitas ameaças e incertezas políticas, econômicas e ambientais.

Mas uma coisa é clara: 2015 foi o ano da construção de um novo conjunto de fundações para a economia global com a sinalização de novas direções para o sistema financeiro.

Primeiro, tivemos os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODSs), que, em essência, estabelecem uma estrutura de investimentos anuais para extinguir a pobreza e conciliar a prosperidade com a inclusão social e a regeneração ambiental.

E em segundo lugar, tivemos o Acordo de Paris sobre a Mudança do Clima, que sinalizou a mudança para uma economia de baixo carbono dada a urgência do aprimoramento da resiliência aos impactos do clima e mobilizou reguladores financeiros e instituições de maneiras inovadoras.

Portanto, se 2015 desenhou novas bases, é a nossa missão em 2016 tomar passos práticos para entregar essa mudança. E em nenhum outro campo essa agenda é mais entusiasmante que no das finanças.

Finanças têm sido um foco essencial do PNUMA por mais de 20 anos. Quando lançamos a Iniciativa Financeira (UNEP FI), muitos parceiros fundadores foram do Reino Unido e estão aqui neste magnífico salão. Recentemente, iniciamos a pesquisa para o desenho do Plano para um Sistema Financeiro Sustentável (UNEP Inquiry), para examinar como as regras que governam mais de 300 trilhões de dólares em ativos ao redor do mundo podem apoiar a transição para a sustentabilidade.

Nick Robins, um dos co-diretores do UNEP Inquiry presidirá o painel dentro de poucos minutos, e eu gostaria de reconhecer as grandes contribuições de dois dos membros britânicos do conselho dessa pesquisa, Adair Turner e David Pitt-Watson.

No pouco tempo que me resta para falar, gostaria de destacar três elementos estratégicos principais:

- Primeiro, que o Sistema Financeiro está em transformação e o seu centro de gravidade está mudando - o que a Pesquisa do PNUMA tem chamado de “Revolução Silenciosa” em seu relatório global, “O Sistema Financeiro que Necessitamos”.

- Segundo, que a Sustentabilidade está se tornando uma dimensão estratégica para o desenvolvimento financeiro, como centros financeiros de todos os cantos do mundo se engajando em uma nova corrida para o topo. Neste ponto eu gostaria de destacar o Reino Unido e o seu relatório lançado hoje, que conclui que o país é um dos grandes centros globais para o financiamento sustentável – com muito ainda a fazer.

- E terceiro, que novas forma de cooperação internacional são fundamentais para levar isso adiante – e o foco do G20 no financiamento verde neste ano é uma grande oportunidade.

Então vamos trabalhar juntos para que possamos tomar os passos decisivos neste ano."

 

Achim Steiner, Diretor Executivo do PNUMA

--

Leia outras partes do discurso no link original (em inglês): http://bit.ly/1Q9KUkX 
 

Assista ao vídeo do discurso aqui